The Wine Show em Portugal – Da Quinta do Noval para o Mundo.

Joe-Fattorini-©The-Wine-Show-Ltd-2020.

Joe-Fattorini-©The-Wine-Show-Ltd-2020.

Foi na Quinta do Noval no coração do Douro, que Joe Fattorini “Obi Wine Kenobi” recebeu os convidados desta série do The Wine Show, Dominic West (The Affair) e James Purefoy (Rome) e lhes apresenta os Vinhos que tem conhecido em Portugal e também em outras Regiões. O The Wine Show é um programa para os conhecedores, mas também para quem gosta apenas de bom entretenimento, com muitos Vinhos excelentes, histórias e personagens encantadoras e paisagens fantásticas.

Um dos momentos que deixou Dominic West e James Purefoy rendidos, foi a prova do Quinta do Noval Nacional, vale a pena ver a série para ver a reação.

« O Vinho do Porto Quinta do Noval Nacional Vintage provém de uma pequena parcela no coração das vinhas da Noval, plantada com videiras pé-franco de castas autóctones.
É um vinho que confirma algo que para mim é uma convicção profunda. O que faz a excelência de um vinho é a qualidade das uvas, o caráter da colheita e o lugar de onde provêm. Estes aspetos são de longe bem mais importantes do que qualquer coisa que nós possamos fazer, quer na vinha quer na adega. O Nacional é vinificado da mesma forma que as restantes uvas da vinha da Quinta do Noval, com pisa a pé em lagar de pedra. O resultado é sempre algo muito diferente no que respeita ao Nacional Vintage, quando comparado com o restante vinho do Porto da Quinta. O Nacional Vintage é o que é por causa das uvas e da sua parcela de origem, não por causa de um processo especial de vinificação. O seu terroir forja a sua grandeza. »

Christian Seely – Quinta do Noval

In Revista de Vinhos

“De uma forma genuína, descontraída e descodificada, os vinhos portugueses são dados a conhecer ao mundo. Aliás, essa foi uma condição essencial para a Revista de Vinhos, desde o primeiro momento em que percebeu a possibilidade de trazer o programa para o nosso país até ao apoio especializado na seleção dos guiões dos diferentes episódios.

Durante sete episódios são reveladas as histórias por detrás de alguns dos grandes vinhos portugueses, enquanto se explora o nosso legado histórico em várias regiões nacionais. O Douro, onde a equipa do The Wine Show se fixou para filmagens, os Açores e a Bairrada. De Lisboa, onde se desvendam as origens portuguesas de um dos mais populares pratos indianos, pelo Alentejo, na descoberta da extração e utilizações da cortiça, matéria prima nacional de excelência, até à desafiante escadaria da famosa Sé de Braga, um dos pontos imperdíveis na rota do Vinho Verde. Mas há mais, muito mais para conferir.

Depois da estreia nalguns países, a série chega a Portugal a partir do próximo dia 2 de janeiro de 2021 (canal 24 Kitchen, 22h, com emissões todos os sábados em episódio duplo). The Wine Show é emitido em mais de 100 países, numa audiência global estimada superior a 80 milhões de pessoas.”

As we continue to celebrate our new partnership with wine travel specialists Winerist, we look back at our presenters visiting just a few of the many wonderf…

In Visão

“Desengane-se quem pense que vai assistir a uma conversa técnica sobre vinhos. O mais leigo espectador estará ao nível dos vários atores que também são anfitriões desta terceira temporada. Depois de ter andado por França e por Itália, o The Wine Show apresenta sete novos episódios com muito de Portugal, ilhas incluídas, e a simplicidade de um bom programa de viagens.

É na Quinta do Noval, no coração do Douro, que Joe Fattorini se encontra com Dominic West (The Affair) e James Purefoy (Rome) para lhes falar do que andou a fazer pela Madeira e pelos Açores com Amelia Singer, a outra especialista em vinhos e coapresentadora. Sobre o vinho Madeira, estão habituados a usá-lo para cozinhar, têm dúvidas sobre se é fortificado; consideram um “vinho de nicho”, quem sabe “para beber à noite, antes de deitar”. Dos Açores, falam do Terrantez do Pico – casta quase extinta e recuperada pelo enólogo António Maçanita –, feito nos currais de pedra vulcânica, a curta distância do Atlântico. No Funchal, Joe e Amelia serão guias turísticos com direito a uma descida veloz nos carros de cestos, visita à adega da empresa H.M. Borges, um dos sete produtores mais antigos da ilha, e espantam-se com o peso da antiguidade e o processo de envelhecimento.”

In NIT

““Podemos parar e dizer só que é delicioso?” A pergunta veio de Matthew Goode, ator conhecido, entre outros papéis, pela participação em “The Crown”, quando o produtor Luís Pato e James Purefoy usavam termos mais técnicos na apreciação de um branco português da região da Bairrada. O “The Wine Show”, o programa de vinhos mundial, gravou em Portugal parte da terceira temporada. Os novos episódios estrearam no início de janeiro no 24Kitchen. O mais recente levou a produção até Aveiro.

Dominic West, de “The Wire”, foi um dos atores convidados nesta temporada do programa que é emitido em mais de 100 países. Neste último episódio, o terceiro, não provou nenhum vinho português. “

In Público

“Por breves momentos – uns vinte minutos bem medidos –, James Purefoy (Marco António na série de televisão Rome e serial killer em The Following) e Joe “Obi-Wine-Kenobi” Fattorini sentaram-se refastelados numa sala da Quinta do Noval, o Douro a seus pés, fazendo uma pausa nas filmagens de The Wine Show, série que brevemente irá revelar ao mundo alguns segredos bem guardados dos vinhos produzidos em Portugal e sobretudo algumas histórias que dão vida ao produto que está dentro da garrafa.”

Para ver no Kitchen 24 – https://www.24kitchen.pt/

Para conhecer Joe Fattorini – http://joefattorini.com/

The Wine Show – https://thewineshow.com/

Partilhar:

More Posts

Envie-nos uma mensagem